Informação policial e Bombeiro Militar

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

MENSAGEM DE FINAL DE ANO DO COMANDANTE GERAL DA PMPE


Policial militar morre no capotamento de viatura, os PMs perseguiam uma camioneta quando a viatura capotou, o PM ainda desceu da VT, mas os elementos que estavam sendo perseguidos colocaram a camioneta por cima do PM.


Policial militar morre em Curitiba após capotamento de carroAcidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (30) no bairro Pinheirinho. Segundo a PM, carro que a vítima estava realizava 'acompanhamento'.
Do G1 PR

Um policial militar morreu em Curitiba na tarde desta segunda-feira (30), após o carro em que ele estava capotar, de acordo com a Polícia Militar (PM). Segundo a PM, o carro perseguia uma caminhonete roubada quando o acidente aconteceu na Linha Verde, no bairro Pinheirinho.

Conforme a PM, a vítima chegou a sair do veículo após a batida, quando foi atropelado pelos suspeitos que seguiam na caminhonete. Ele morreu no local, e os suspeitos conseguriam escapar.

Até a atualização desta reportagem, ninguém havia sido preso. A Linha Verde chegou a ser parcialmente bloqueada, sendo liberada posteriormente.

Nada como um sorriso de uma criança te desejando feliz ano novo. Feliz 2014 meu povo.

video

Isso é Brasil amigo, o resto eu deixo por conta da imaginação de vocês! PMs pedem carona para levar preso à delegacia depois de tirar infrator das mãos da população que queria linchá-lo por ter atropelado uma criança de dois anos.



PMs pedem carona para levar preso à delegacia


Homem foi preso após atropelar uma criança. Moradores filmaram a tentativa de linchamento...

  • Campo MagroRafael MarcanteCGN/Luana Monteiro

Um vídeo que circula na internet mostra a reação de moradores de Campo Magro – região metropolitana de Curitiba – após o atropelamento de uma criança de dois anos, na noite de domingo (29).
Eles tentam linchar o motorista, que estaria embriagado. O que chama atenção, é que dois policiais tentam conter o tumulto e levam o motorista preso, mas eles estão sem viatura e precisam pedir carona para conduzir o detido.
Os moradores disseram que a criança estava na calçada e acabou sendo atropelada e arrastada. O menino foi levado em estado grave ao Hospital Evangélico. Ainda no vídeo, uma moradora diz que não há viatura no município e que falta combustível.

A Luta deles(Os Militares de Alagoas).


Começamos uma mobilizaçao aqui em Alagoas e dentro de 15 dias conseguimos varias conquistas. Nosso salario era de 2440 e agora será 3591. Alem disso, agora cada escala extra será remunerada e voluntaria. Os pms q aceitarem tirar escalas extras, receberao 114 por cada uma, podendo tirar 8 por mes. Ou seja, quem aceitar, podera ganhar 912 a mais por mes. Acabamos com o rancho e os PMs receberao mensalmente 230 reais de vale alimentaçao. A escala normal n podera ser menor q 24/72. Uma vez no ano o governo pagara em dinheiro o valor equivalente a compra de dois uniformes completos (coturno, calça, camisa, gandola, cinto, boina). O tempo de promoçao sera menor. Com isso, um soldado sera promovido a cabo com 6 anos de policia.
Tudo isso sem ninguem ser preso. Fizemos um movimento inteligente, trabalhando dentro da legalidade. Operação Padrão. Nenhum comandate podia prender a gente, pois estavamos cumprindo a Lei.
Nenhum motorista tinha curso de condutor de viatura policial homologado pelo detran. Com isso, nenhunha viatura saia da base. Os PM iam atender a ocorrencia a pé.
O governo n aguentou a pressão.




















Fonte: Facebook

É Geraldo quem vai fazer! Prefeito do Recife diz que alunos do 6º ao 9º ano terão passe livre em 2014

Prefeito do Recife diz que alunos do 6º ao 9º ano terão passe livre em 2014


Geraldo Julio fez balanço do primeiro ano de gestão em entrevista ao G1.
Também afirmou que concurso para a Guarda Municipal sai em janeiro.


Do G1 PE

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), afirmou que vai tirar do papel, em 2014, a promessa de campanha do passe livre estudantil. O benefício será implantado para alunos do 6º ao 9º ano da rede municipal. Em entrevista ao G1, publicada nesta terça-feira (31), ele também falou sobre o primeiro ano de gestão e outras propostas para o próximo ano. Os detalhes podem ser conferidos em vídeos logo abaixo desta reportagem.

Outros itens do plano de governo do socialista ainda esperam execução, como o programa Disk Luz, projeto de embutimento de fios, ProUni Municipal, revisão do Plano Diretor e realização de concurso público para a Guarda Municipal. Por outro lado, o prefeito informou que conseguiu reduzir gastos e melhorar a arrecadação do município, o que levou à quadriplicação de investimentos, totalizando cerca de R$ 500 milhões em 2013.

Sobre o polêmico projeto Novo Recife, Geraldo Julio fez questão de deixar claro que ele foi aprovado pela gestão passada e pela Justiça. "O que a gente negociou foi sobre as áreas públicas" em torno do empreendimento, através do termo de compromisso, assinado na última sexta-feira (28). O prefeito afirmou ainda que está estudando a revisão do Plano Diretor do Recife.

Na área de mobilidade urbana, Geraldo Julio afirmou que a gestão continuará a priorizar quem anda a pé e pega ônibus. "Vamos revitalizar e construir calçadas. Fomos ao governo federal e estamos na expectativa de ter a primeira linha de BRT na Avenida Norte. Também começamos a implantar as faixas azuis", disse.


Para ver a entrevista completa clique AQUI

Ele ainda comeu o peru de natal! Suspeito da morte do policial Ivaldo que era Pernambucano e servia na PM de Alagoas é morto em troca de tiros com Policiais Militares.



Suspeito da morte do policial Ivaldo é morto em troca de tiros

"Nêgo Anum" era apontado pela polícia como principal suspeito do assassinato de pm em Porto de Pedras




Da Redação
Ivaldo foi morto em praça pública (Crédito: Divulgação)
Ivaldo foi morto em praça pública (Crédito: Divulgação)
O principal suspeito da morte do policial Ivaldo Oliveira da Silva, ocorrido em Porto de Pedras no início deste mês, foi morto na madrugada desta terça-feira (31), no bairro da Serraria após trocar tiros com policiais que faziam rondas na região.
Fábio dos Santos, de 30 anos, conhecido como “Nêgo Anum”, estava em um carro com roubado, na contra mão de uma das principais vias do bairro quando foi abordado pela guarnição motorizada RP3 e reagiu disparando contra os militares.
O carro de Nêgo Anum dirigia era um Mitsubishi L200 Triton, de cor prata, que tinha queixa de roubo registrada no sistema e placa fria. Ferido, ele ainda foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu aos ferimentos e morreu. De acordo com a polícia, além de participação na morte do policial Ivaldo, Anum também era suspeito de outros crimes.
Relembre
A morte ocorreu após uma quadrilha invadir uma agência do Bradesco e tentar arrombar um dos caixas eletrônicos. Frustrados, os bandidos foram até o posto da GPM e encontraram Ivaldo. Ele estava de plantão juntamente com o Sargento Veríssimo, que no momento tinha saído para tomar um remédio em uma casa próxima e acabou percebendo o movimento e atirando contra a quadrilha.
Sob a mira das armas, Ivaldo foi obrigado a mostrar aos assaltantes a casa onde o sargento estava. Após trocar tiros, um dos integrantes do bando foi ferido no ombro. A quadrilha, então, arrastou o soldado Ivaldo pelas ruas até a praça, onde foi executado com vários tiros.
Fonte: TNH1

PMPE: De parabéns o 11º BPM, mas precisamente os componentes das PBs 5048, Macaxeira, Sds Mandu e Duque 5102, Alto do Mandu, Sds Balbino e Calado com apoio do GATI 5100. Os companheiros apreenderam com um menor uma espingarda calibre 12" com um cartucho na Integração da Macaxeira. O menor foi levado até a GPCA onde foi lavrado o auto de apreensão dele e da espingarda calibre 12". A ação foi padrão.


Eles apreenderam uma 12'

Médico é preso por ameaçar policial militar. Segundo o relato o medico ameaçou chamar um coronel, disse que era o secretário de saúde e disse ainda que em pouco tempo o governador estaria com ele na linha.





Médico é preso por ameaçar policial 
da Força Tática de Juína e diz que 
chamaria governador
Vocês não sabem trabalhar; já já, o 
governador vai estar comigo na linha
Médico é preso por ameaçar policial da Força Tática de Juína e diz que chamaria governador














O médico Emilio Populo Souza Machado,31, foi preso no fim da tarde desta 
segunda-feira, 30, em Juina, no Noroeste de Mato Grosso, acusado de ter 
ameaçado um policial militar da Força Tática durante o atendimento a 
uma ocorrência policial envolvendo a briga entre dois irmãos, próximo ao 
Copom da Polícia Militar. Ele teria coagido o policial ao mencionar várias 
vezes suposta autoridade. O profissional, no entanto, nega e diz que o policial 
estava equivocado.

Segundo o Aspirante PM, Jhonnatan, a guarnição foi chamada para atender 
uma ocorrência policial envolvendo a briga de dois irmãos e que um deles 
estava portando um facão. Ao chegar no local, Emilio que fazia atendimento 
médico a um dos envolvidos, fez ameaças dizendo que se o policial fizesse
 a ocorrência ele iria sofrer as conseqüências, o que resultou em sua 
condução para o Copom e posteriormente a delegacia de Polícia.

Ainda relata o boletim de ocorrência o seguinte: que os policiais quase
 foram impedidos de prosseguir com a ocorrência, porque Emilio utilizando
 de palavras em tom ameaçador, dizia que não era para a Polícia estar ali, 
pois se tratava de uma briga de família. O suspeito usou as seguintes 
palavras: "Já estou ligando para o coronel; vocês não sabem trabalhar; 
já já, o governador vai estar comigo na linha".

Em todo momento Emilio tentava coagir a guarnição dizendo que "o coronel 
já esta chegando, vamos ver o que vai acontecer”. Ainda de acordo com 
o boletim, o médico dizia: “Vou ter que ensinar a vocês como se trabalha, 
pois vocês não estão fazendo nada direito. Vocês estão falando com o 
Secretário de Saúde e isso não vai ficar assim”.

O médico deu sua versão e nega. Ele disse que foi chamado pelos familiares 
para um atendimento médico. “Eu fui chamado pelo pessoal da família para 
conter um paciente da família, eu cheguei lá a Policia estava com a pistola e 
uma doze apontada na cabeça do sobrinho do prefeito, e eu disse ao policial: 
meu amigo não é esse não, o agressor é que está lá em cima”.

Todavia, segundo o médico, o policial disse: “Você quer me ensinar a trabalhar? 
Eu respondi a ele: ‘Rapaz você esta com uma pistola e a doze miradas para o 
cidadão, esta errado’. Foi nesse momento que ele disse que eu estava preso por 
desacato” - contou Emilio.

O médico foi conduzido à Delegacia de Polícia e deverá responder por 
crime de ameaça caso o policial represente criminalmente em seu desfavor.




See more at: http://www.24horasnews.com.br/noticias/ver/medico-e-preso-por-ameacar-policial-da-forca-tatica-de-juina-e-diz-que-chamaria-governador.html#sthash.5beCN2rQ.dpuf

Fonte: 24horasnews

Governo, MP e corporações militares firmam TAC para os PMs e BMs dirigirem viaturas de emergências.



Governo, MP e corporações militares firmam TAC


Arquivo Al 24h
Governo, MP e corporações militares firmam TAC
Governo, MP e corporações militares firmam TAC

A condução dos veículos de emergência da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros de Alagoas será normatizada nos próximos meses, seguindo uma determinação do governador Teotonio Vilela Filho, e dentro do que ficou acordado com as associações militares na última semana.

A normatização ficou definida no termo de ajustamento de conduta (TAC) assinado na manhã desta segunda (30). Participaram do ato, representantes do Ministério Público Estadual, da Secretaria de Estado da Defesa Social (Seds) e do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e das duas corporações.

A assinatura do documento atende à reivindicação dos militares que alegaram, durante o período da Operação Padrão, a falta de reconhecimento legal do curso de especialização em condução de veículos de emergência. De acordo com o TAC, a capacitação dos profissionais deverá ser viabilizada nos próximos 180 dias, com oferta do curso sob a responsabilidade da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, por meio de unidade de ensino legitimada.

Caberá à Seds encaminhar ao Departamento Estadual de Trânsito a lista de militares aprovados no curso, cujos nomes serão homologados e terão a devida anotação no Registro Nacional de Carteira de Habilitação. Todo o processo, conforme acordado, será fiscalizado pelo Ministério Público, cabendo aplicação de multas caso as incumbências de cada órgão sejam descumpridas.

Fonte: Assessoria

A

Tenente do Exército reage a tentativa de assalto e atinge suspeito na cabeça



Tentativa ocorreu na tarde desta segunda-feira, em São Vicente. Autoridade aguardava sinaleiro abrir quando foi abordado.
Equipes de resgate tentaram socorrer o homem mas ele não resistiu (Foto: Roberto Strauss / Arquivo Pessoal)
Do G1 Santos

Um homem morreu com um tiro na cabeça após tentar assaltar um tenente do Exército na tarde desta segunda-feira (30), em São Vicente , no litoral de São Paulo. De acordo com a Polícia Militar (PM), a autoridade ia entrar em um carro na avenida Prefeito José Monteiro, no bairro Vila Valença, quando foi abordado e reagiu.

Testemunhas disseram à polícia que três homens abordaram um militar que saía de um prédio para entrar em um carro parado em um sinaleiro. Os suspeitos perceberam que a vítima estava armada e, antes de atirarem, o militar acertou um disparo na cabeça de um dos indivíduos. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi chamada para prestar atendimento, mas o homem morreu no local.

Ainda de acordo com os policiais, não há informações se o homem tinha alguma passagem por algum crime, pois ele estava sem os documentos. Os outros dois suspeitos conseguiram fugir.

De acordo com o serviço de relações públicas do 2º Batalhão de Infantaria Leve de São vicente, o tenente está em férias e a arma usada por ele era pessoal. O militar irá prestar depoimento no 1º DP de São Vicente.

 

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Era o mínimo que o Comandante Geral podia fazer! Comando Geral da PM paga fiança de sargento preso por porte ilegal de arma.


Matéria publicada por: redacaoportalcn@hotmail.com em 28/12/2013

Comando Geral da PM paga fiança de sargento preso por porte ilegal de arma




Do atual7

Apesar do crime cometido pelo PM ser previsto pela Lei do Desarmamento, Zanoni Porto alegou desconhecer a razão da prisão.

Preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, na última quinta-feira (26), pelo delegado titular do 16ª Distrito Policial da Vila Embratel, Danilo Veras, um sargento do Comando Geral de Polícia Militar do Maranhão foi solto após o pagamento de fiança, feita por ordem do chefe maior da tropa, o comandante da Polícia Militar do Maranhão, coronel Aldimar Zanoni Porto.

coronel-zan

CORPORATIVISMO Comandante da PM mandou pagar fiança de sargento preso por porte ilegal de arma de fogo. Foto: Reprodução

A prisão ocorreu após o sargento – conhecido como Leite – apresentar no 16ª DP dois adolescentes que praticavam um assalto a um comércio na comunidade. O PM teria utilizado a arma na apreensão dos infratores.

Encaminhado para o Presídio Militar, no retorno do Calhau, Leite recebeu a solidariedade do alto comando dos colegas de farda, apesar do fato grave.

Apesar do crime cometido pelo PM ser previsto pela Lei do Desarmamento, com pena que varia de 3 a 6 anos de reclusão – independente do serviço prestado à sociedade com a apreensão dos meliantes, o comandante da Policia Militar do Maranhão alegou desconhecer a razão que motivou a detenção de seu subordinado.

- A Polícia Militar está 24 horas a serviço da população. Lamentei e não entendi a postura do delegado em prender o sargento no exercício da profissão. Ele apresentava dois menores infratores na delegacia. Em vez do delegado cumprir o auto de infração cometido pelos adolescentes, acabou o militar sendo surpreendido pelo delegado e autuado em flagrante por porte ilegal de arma. Estou esperando a decisão judicial para o relaxamento do flagrante. A Polícia Militar vai apurar para saber a quem pertence a arma. E se houve abuso por parte do delegado vamos representá-lo – afirmou Zanoni, antes mandar pagar a fiança do sargento.

COMENTAR NO FACEBOOK

3 comentários adicionados em “Comando Geral da PM paga fiança de sargento preso por porte ilegal de arma”

  1. rogerio Disse: 

    não entendi nada o estado fornece uma arma para o policial um policial mesmo de folga tem direito de andar armado com sua arma pois ele e altoridade mesmo de folga

  2. Weber Henrique N Marques Disse: 

    Infelizmente, este é o nosso País, bandidos soltos e um delegado preocupado com a arma do Sargento que fez a prisão, livrando a sociedade de marginais. Sinceramente ficamos refens de um sistema feito para defender bandidos, refens de um governo federal que nao tem força para mudar nada em relação a segurança pública. Um dica á pupulação ao prender bandidos vão desarmados ok, isso serve tambem para os policiais……………e viva a impunidade!!!!!!!!!!!

  3. walmir Disse: 

    Por esta e outras razões que tem que acabar com essa divisão de policias, parar de ser policia pela metade e passar a ser policia inteira que se faz o policiamento até o fim da apresentação e indiciação dos fatos. Temos que ser imparciais e saber que este modelo de policia que temos é arcaico e da vazão a estes destemperos de alguns ditos policiais a querer fazer de otário o seu irmão de serviço. Isso só acabará quando deixarmos de lado o corporativismo e implantarmos uma policia de fato INTEIRA e não pela metade.

PM que ia a motel com namorada reage a assalto e mata dois suspeitos


Soldado de folga atirou em criminosos que queriam roubar sua moto. Ação ocorreu na madrugada desta segunda-feira (30) na Zona Leste de SP.
Do G1 São Paulo

Um policial militar que estava de folga, sem farda e numa moto com a namorada, reagiu a um assalto e matou dois assaltantes a tiros quando se preparava para entrar num motel na Zona Leste de São Paulo , de acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Militar (PM). A ação ocorreu na madrugada desta segunda-feira (30), na Avenida Pires do Rio, esquina com a Rua Antonio de Moura Andrade, em São Miguel Paulista. O casal de namorados não se feriu.

A PM informou que os suspeitos mortos tinham 19 e 33 anos de idade. Eles estavam armados. Um deles, por exemplo, possuía uma garrucha, que foi apreendida.

Os criminosos atacaram os namorados quando eles se aproximavam da entrada do motel, por volta das 0h30 desta segunda. O soldado reduziu a velocidade da moto e pedia uma suíte para a recepcionista quando os bandidos se aproximaram e anunciaram o assalto. Eles queriam roubar o veículo do policial.

Depois, ainda segundo a PM, o soldado, que não estava uniformizado, sacou sua arma e atirou nos dois criminosos, que não resistiram aos ferimentos e morreram no local.

O caso foi registrado no 63º Distrito Policial, Vila Jacuí, mas será investigado pelo 32º DP, Itaquera, segundo a assessoria de imprensa da Secretaria da Segurança Pública (SSP). Os nomes dos mortos e do casal não foram divulgados. Além da Polícia Civil, a Corregedoria da PM também irá apurar o caso pelo fato de haver envolvimento de um policial militar. O G1 não conseguiu localizar familiares dos suspeitos para comentarem o assunto.

Intocada, previdência dos militares gasta mais do que o Bolsa Família


Economia

Intocada, previdência dos militares gasta mais do que o 

Bolsa Família


29/12/2013 - 16h33

Folha Online

Preservada das reformas que atingiram os setores público e privado, 
a previdência dos militares mantém gastos em alta e superiores a, 
por exemplo, os do Bolsa Família.
Segundo o boletim de pessoal do Ministério do Planejamento, 
as despesas com aposentadorias e pensões militares somaram 
R$ 24,5 bilhões no período de 12 meses encerrado em agosto.
Principal programa de combate à miséria da administração petista, 
o Bolsa Família tem um orçamento de R$ 24 bilhões neste ano, 
destinado a 13,7 milhões de beneficiários.
Os aposentados e pensionistas da previdência militar não chegam 
a 300 mil.
Como os servidores públicos civis, os militares ativos e inativos 
contribuem com valores muito abaixo do necessário para 
custear as despesas previdenciárias: 
a receita fica em torno dos R$ 2 bilhões ao ano.
A diferença é que, desde fevereiro, os novos servidores civis foram 
submetidos 
a um novo regime de previdência, com um teto de aposentadoria 
equivalente ao do 
INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), de R$ 4.159 mensais.
Para receber acima desse valor, é preciso contribuir para um fundo 
de pensão, que, apesar das vantagens oferecidas, tem despertado 
resistências nas corporações, como a Folha noticiou hoje.
A permanência de privilégios para os militares tem sido justificada 
pelas condições especiais da carreira, que incluem possíveis 
riscos de vida, disponibilidade permanente e a sujeição constante 
a mudanças de residência.
Mas, no próprio Ministério da Defesa há queixas contra o volume
 de despesas com aposentadorias e pensões, que restringe as 
verbas disponíveis para investimentos.
A previdência militar consome cerca de 35% dos recursos da pasta 
e supera os gastos com os militares da ativa.


MP investiga oficiais da PM suspeito de corrupção.



MP investiga oficiais do Batalhão Ambiental suspeitos de corrupção e crime organizado

A denúncia foi encaminhada ao Ministério Público do Estado para apurar a facilitação de transporte de madeiras ilegais e a transferência ilegal de policiais militares que recusavam-se a fazer parte do esquema


    Denúncia de corrupção e crime organizado em Batalhão Ambiental foi encaminhada ao Ministério Público
    Denúncia de corrupção e crime organizado em Batalhão Ambiental foi encaminhada ao Ministério Público (Divulgação)
    O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM) investiga desde o dia 26 de novembro deste ano a denúncia de corrupção e crime organizado envolvendo oficiais instalados no Batalhão Ambiental da Polícia Militar que supostamente facilitariam o transporte de madeiras ilegais no Estado e ainda a transferência ilegal de policiais militares que se recusavam a fazer parte do esquema.
    Segundo a denúncia, os sargentos do Batalhão Ambiental Antonio Saraiva Cruz e José Nélio Trindade Caldas e o oficial da Polícia Militar do Amazonas à serviço da Secretaria de Segurança, coronel Raimundo Roosevelt da Conceição de Almeida Neves, são citados como os protagonistas dos crimes.
    Eles são acusados de facilitar o transporte de madeira ilegal de um homem identificado como Altemiro Leão de Oliveira Filho, empresário do ramo madeireiro e que de acordo com a denúncia costuma transportar madeira de procedência ilegal e que teria se envolvido em episódios que culminaram na transferência de um tenente do Batalhão Ambiental.
    Segundo relatos da denúncia em 2011, o tenente realizou uma abordagem e apreensão de um barco com madeira de propriedade de Altemiro Oliveira. Na ocasião o coronel Roosevelt compareceu ao local no carro do infrator privilegiando-se de seu posto de coronel coagiu o Tenente a fazer a liberação da carga apreendida, fato que não ocorreu, em virtude da postura firme do Tenente.
    Na mesma semana do fato, devido à influência do coronel Rosoovelt, o Tenente Marcos Pires foi movimentado do Batalhão Ambiental.
    Em abril de 2012, em outra ocorrência a denúncia fala do envolvimento do major policial militar Márcio Coelho de Lima que é casado com a irmã de Altemiro Oliveira, que durante a apreensão de um caminhão de madeira ilegal interferiu na ocorrência retirando da delegacia o motorista do caminhão antes que fossem lavrados os procedimentos devidos.
    Segundo a denúncia encaminhada ao MPE, há relatos que os sargentos Antonio Cruz, José Caldas e Huxlan Mamede Lessa, receberam chips de telefone com os quais avisam Altemiro sobre os oficiais que estão nas fiscalizações para o transporte das madeiras.
    A denúncia argumenta ainda que o atual quadro de PMs efetivos disponibilizados para o Batalhão Ambiental é de 51 policiais, número que não é suficiente para a atuação em todo o Estado, o que influenciaria as práticas criminosas.
    A denúncia finaliza ressaltando que outros policiais militares do Batalhão Ambiental são ameaçados e confrontados a “jogar no time do Miro”, para não serem transferidos. 
    PM irá se manifestar sobre o assunto
    Nossa equipe de reportagem entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Polícia Militar do Amazonas que informou que os dados e respostas sobre o caso serão repassados nesta segunda-feira (30), em virtude de ser final de semana e se fazer necessário consultar vários departamentos. 
    Fonte: A Critica

    Agora sim eles estão fazendo a coisa certa!


    Imagens do dia - 29 de dezembro de 2013

    31 / 42Dario Oliveira/Futura Press/Estadão Conteúdo

    domingo, 29 de dezembro de 2013

    AS MELHORES PERSEGUIÇÕES POLICIAIS - FULL!

    Quem tem um Coronel desse como Comandante não precisa de inimigo!

    Você sabe que todo bêbado é: rico, bonito, enchirido e brabo, se você der num bêbado só deu porque foi num bêbado e se apanhar fica desmoralizado porque apanhou de um bêbado! Agora os bêbados estão atrapalhando o serviço dos Bombeiros.

    Bêbado na areia dá trabalho aos salva-vidas de Santa Catarina


    NATÁLIA CANCIAN
    ENVIADA ESPECIAL A FLORIANÓPOLIS

    Do alto do posto dos salva-vidas, o paulista Igor Garcia Peres, 24, tenta manter os olhos fixos no mar -mas sem descuidar da areia.
    A cena se passa em Jurerê Internacional, badalado destino de Santa Catarina e uma das poucas praias onde o mar não é o principal desafio da equipe de salva-vidas.
    Lá, a maioria dos salvamentos ocorre em terra firme: na temporada, são até três ocorrências diárias, segundo a equipe que trabalha no local. No mar, o índice é de só uma ocorrência -por mês.
    "Aqui o pessoal bebe demais. Já peguei casos de cortes por garrafas [na areia], quedas, insolação", diz Peres, que atuou na mesma praia na última temporada.
    Caio Cezar/Folhapress
    Posto de salva-vidas em Jurerê Internacional (SC); frequentadores bêbados na areia dão mais trabalho que banhistas
    Posto de salva-vidas em Jurerê Internacional (SC); frequentadores bêbados na areia dão mais trabalho que banhistas
    CHAMPANHE
    O lugar é conhecido pelos beach clubs, por festas disputadas durante o verão e por bares "pé na areia", onde o champanhe é hit em parte da praia, frequentada por turistas de alto poder aquisitivo.
    "Aqui é mais complicado que no mar. As pessoas bebem e esquecem de comer", afirma o salva-vidas Odemar Silva Filho, 24.
    Frequentadores e veranistas reclamam do número de garrafas "abandonadas" após as festas de Ano-Novo.
    "A praia fica um horror, com muita sujeira. Minha amiga cortou o pé depois do último Réveillon porque tinha uma garrafa quebrada no mar", conta a fazendeira Kadine Lisboa, 31, que descansava na praia com a família.
    Embora não tenha dados oficiais sobre o número de ocorrências por praia, o comandante do grupo de busca e salvamento, tenente Bruno Azevedo Lisboa, confirma a troca do mar pela areia.
    ATÍPICA
    Para ele, a situação em Jurerê Internacional é atípica.
    "É uma praia que não tem correntes de retorno, e o mar não oferece tanto perigo. Além disso, é muito movimentada. Há vários casos de mal súbito, queda de pressão", relata o comandante.
    Segundo Lisboa, no posto salva-vidas da praia há kit de primeiros socorros e também cilindros de oxigênio.
    "A pessoa acaba ingerindo bastante bebida alcoólica, depois fica no sol, na água, e aí tem queda de pressão."
    Em outras praias movimentadas de Florianópolis, como Ingleses, tanto o mar quanto a areia são desafios.
    "Vigiar" a areia, porém, é quase impossível na alta temporada, que reúne milhares de pessoas –daí a recomendação de que os turistas procurem apoio dos salva-vidas em caso de necessidade.
    "O foco ainda é o olho no mar", diz o comandante.